Translate

sexta-feira, 12 de maio de 2017

O CONSELHO MAIS IMPORTANTE - UMA PALAVRA IMPACTANTE DO PRESIDENTE DO CONSELHO INTERDENOMINACIONAL DE MINISTROS EVANGÉLICOS DO BRASIL - CIMEB - PASTOR SILAS MALAFAIA

Destacarei o conselho mais importante do homem mais sábio da Bíblia: Salomão, cujo nome deriva da raiz Shalom, que significa paz. Filho de Davi e Bate-Seba, Salomão tornou-se o terceiro rei de Israel. Seu reinado de 40 anos foi conside¬rado uma época áurea, sem guerras, devido à sua grande sabedoria, prosperidade e às suas riquezas abundantes. Sempre que mencionamos o nome deste rei, lembramo-nos da famosa história das duas mulhe¬res que foram ao palácio pedir-lhe uma solução para o problema delas. Elas tiveram filhos no mes¬mo período, sendo que um deles morreu. Então, a mãe que perdeu o bebê roubou a criança da outra. Ao contarem o ocorrido a Salomão, ele disse: Trazei-me uma espada. E trouxeram uma espada diante do rei. [...] Dividi em duas partes o menino vivo: e dai metade a uma e metade a outra. Mas a mulher cujo filho era o vivo falou ao rei (porque o seu coração se lhe enterneceu por seu filho) e disse: Ah! Senhor meu, dai-lhe o menino vivo e por modo nenhum o mateis. Porém a outra dizia: Nem teu nem meu seja; dividi-o antes. Então, respondeu o rei e disse: Dai a esta o menino vivo e de maneira nenhuma o mateis, porque esta é sua mãe. 1 Reis 3.24-27 A tão extraordinária sabedoria que Deus concedeu a Salomão vai além da história de seu reinado; envolvia um vasto entendimento e discernimento a respeito da vida e das suas res¬ponsabilidades. Tanto que pessoas dos confins da terra iam a Israel para ouvi-lo, e voltavam para casa maravilhadas (1 Reis 4.29-34), incluindo a rainha de Sabá (1 Reis 10.1-7). Salomão chegou a proferir mais de três mil provérbios, sendo que o mais importante de todos os que estão registrados nas Sagradas Escrituras diz: Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as saídas da vida (Provérbios 4.23). Trata-se de um conselho que nos adverte a manter um coração puro, reto, cheio do Espírito Santo, não contaminado pelos sentimentos perversos, pensamentos maus nem pelos desejos ilícitos. Quando o cristão emprega este sábio conselho no seu dia-a-dia, entende que a sabedoria não é uma idéia abstrata nem teórica, mas totalmente prática. Pois um coração repleto de elementos de¬sordenados conduz a vida por um caminho errado, contrário a tudo de bom que o Senhor almeja para seus filhos. Por isso, antes de prosseguirmos neste assunto que abordará alguns preceitos importantes para administrar a vida com sabedoria, precisamos entender qual o significado do coração no con¬texto bíblico. Só assim estaremos prontos para compreender como seguir um caminho próspero e produtivo sob a direção do Pai, superando as adversidades que se interpõem no caminho com as atitudes certas.