Translate

sábado, 10 de junho de 2017

CONDENADO NO CASO DO “DOSSIÊ CAYMAN”, CAIO FÁBIO FOI PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL POR TIAGO CHAGAS

O pastor Caio Fábio foi preso na última quarta-feira, 24 de maio, como parte do cumprimento da sentença de quatro anos expedida pela Justiça Eleitoral em 2011 e depois confirmada em instâncias superiores, por calúnia. Um áudio de Caio Fábio gravado no momento em que a Polícia Federal o conduzia à prisão vem se popularizando na internet. Nele, o pastor afirma que está tranquilo e que considerava o processo vencido. Aquela ação lá de 1998 do dossiê Cayman, teve vigência hoje e eu estou sendo conduzido para a superintendência da [Polícia] Federal, e depois para [o presídio da] Papuda, num regime semiaberto. Não teve ainda nenhuma ação do meu advogado e eu mesmo estava absolutamente certo que esse era um processo vencido há muito tempo e acabado. Então, com toda tranquilidade, gostaria só que vocês informassem o pessoal da igreja [sobre] o que aconteceu, diz o pastor. O líder do ministério Caminho da Graça ainda não emitiu nenhum comunicado oficial, mas uma consulta no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aponta para a decisão de manutenção da sentença expedida há quase seis anos em primeira instância, sem possibilidade de recurso.