Translate

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

WAGUINHO ANUNCIA QUE SAIU DA ADUD E AGORA É MEMBRO DA ADVEC, DE SILAS MALAFAIA

O cantor Waguinho trocou a Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD) pela Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), e anunciou a mudança através das redes sociais. Waguinho foi vocalista do grupo de samba Os Morenos entre 1994 e 2001, mas abandonou a carreira secular após se converter ao Evangelho. Como membro da ADUD, liderada pelo pastor Marcos Pereira, se tornou evangelista e lançou álbuns de música gospel, além de ter se candidatado ao Senado em 2010 pelo PTdoB.Em 2013 chegou a ter sua prisão decretada por falta de pagamento de pensão alimentícia à ex-mulher, a modelo Solange Gomes. No entanto, fiéis da ADUD arrecadaram R$ 45 mil e doaram ao cantor para que um acordo fosse firmado e Waguinho não precisasse ser preso. Agora, Waguinho deixou a ADUD para se filiar à ADVEC, do pastor Silas Malafaia. No último domingo, 03 de setembro, ele publicou uma foto ao lado de sua família e do pastor presidente da denominação. “Santa Ceia maravilhosa na ADVEC Sede com pastor Silas Malafaia #SOMOSUM @fabiolabastosoficial @waguinhojunior1 @caina_bastos”. A alegação de Waguinho para trocar de igreja seria a distância de sua nova casa da ADUD, que fica em São João de Meriti (RJ), e assim, ele e sua família não poderiam se dedicar à denominação com a mesma intensidade que fizeram nos últimos 14 anos, de acordo com informações do JM Notícia.Waguinho é o segundo cantor que deixou a ADUD nos últimos anos. Em abril de 2016, Elaine Martins, cantora renomada no meio pentecostal e conhecida por, até então, seguir à risca a doutrina da denominação de Marcos Pereira e usar apenas vestidos similares a um roupão, deixou a ADUD. Dois anos antes ela havia assinado contrato com a gravadora MK Music.
Postar um comentário