Translate

terça-feira, 23 de maio de 2017

VICIADO FOI LIBERTADO DAS DROGAS ENQUANTO LIA A BÍBLIA: “MEU PAI ME FEZ LER” O ATOR JEP ROBERTSON CONTA QUE SEU PAI O PRENDEU EM CASA POR TRÊS MESES E O FEZ LER A BÍBLIA PARA QUE ELE PUDESSE RETOMAR SUA COMUNHÃO COM DEUS. FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO GOSPEL HERALD

O ator americano Jep Robertson abriu detalhes de sua vida e contou como foi liberto de sua luta contra as drogas e o álcool. Ele revelou que só mudou a vida depois que seu pai, Phil Robertson, o colocou em "prisão domiciliar" por três meses e o encorajou a se dedicar novamente em sua vida para Cristo, lendo a Bíblia. No colégio, Jep era o "porta-voz" de um movimento chamado YOLO, que significa "você só vive uma vez", incentivando os jovens a “aproveitarem a vida”. “Quando eu estava no ensino médio, eu saía alguns amigos que eu achava legais. Então, comecei a usar álcool e drogas", disse ele. "Mas meu pai disse: 'Você pode morrer por causa disso'. Eu pensei que poderia lidar com meu vício. Um dia, eu cheguei a beber tanto que quando voltei para casa, em uma noite, caí do meu carro e desmaiei no chão”, contou. “Felizmente eu não matei ninguém naquela noite que cheguei em casa”, disse. Nesse dia, sua família interveio para que ele começasse a mudar de vida: "Minha família me colocou em prisão domiciliar por três meses", lembrou. "E eu tive de estudar minha fé de novo. Percebi que eu estava apenas contando com a fé de meu pai e por isso eu só poderia dizer que era um filho de crente", disse Jep. O filho pródigo: “A honestidade e a dor nos ensinaram sobre a fé, a família e o perdão", disse Phil, seu pai, se referindo a ele como seu "filho pródigo". Jep disse que o casamento de seus pais inspirou seu próprio casamento. Agora que ele e sua esposa têm cinco filhos, Jep diz que tenta modelar sua vida depois do exemplo de seu pai. "Tento passar o máximo de tempo possível com meus filhos e conversar com eles sobre a fé", disse. Jep encorajou outros cuja fé precisa ser restaurada para lembrar que Deus está esperando por eles de braços abertos. "Deus está pronto, Ele está sempre pronto", disse Jep. "Então se você já está de joelhos, apenas deixe Deus invadir você". Jep, que já revelou que foi abusado sexualmente por uma mulher mais velha quando criança, também sofreu problemas de saúde. Em outubro de 2014 ele teve uma convulsão durante uma viagem de caça, que o fez parar no hospital e ficou dependendo de uma máquina que o fazia respirar por quatro dias.
Postar um comentário